Bernadelli, Rodolfo (1852-1931)

José Maria Oscar Rodolpho Bernardelli y Thierry, nasceu em Guadalajara (México) em 18 de dezembro de 1852 e faleceu no Rio de Janeiro (Brasil) em 7 de abril de 1931. Foi um escultor e professor mexicano naturalizado brasileiro. Também, esporadicamente, transitou pela pintura e pelo desenho.

Apesar de nascido no México, se formou no Brasil, onde lançou suas obras. Naturalizou-se brasileiro em 1874. Em companhia da família (foi irmão dos também artistas Henrique Bernardelli e Félix Bernardelli), deixou seu país natal em 1866, passando pelo Chile e Argentina e fixando moradia no estado brasileiro do Rio Grande do Sul. De lá, mudou-se para o Rio de Janeiro, onde frequentou, entre 1870 e 1876, aulas de escultura e de desenho de modelo vivo na Academia Imperial de Belas Artes.

Viveu alguns anos na Europa, estudando em Roma. De volta ao Brasil, passou a atuar como professor de escultura estatuária na Academia Imperial de Belas Artes e como diretor na até então recém-criada Escola Nacional de Belas Artes, que chefiou por 25 anos.

Um dos maiores escultores brasileiros, deixou uma extensa produção, entre obras tumulares, monumentos comemorativos e bustos de personalidades. Executou as estátuas que ornamentam o prédio do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, o Monumento a Carlos Gomes em Campinas, uma estátua de Dom Pedro I para o Museu Paulista da Universidade de São Paulo na cidade de São Paulo e uma estátua de Pedro Álvares Cabral. Parte considerável de seus trabalhos foram doados para a Pinacoteca do Estado e para o Museu Mariano Procópio, em Juiz de Fora, onde está seu último trabalho: um busto inacabado.

A obra

 - Estátuas que ornamentam o prédio do Teatro Municipal do Rio de Janeiro.

- Monumento a Carlos Gomes em Campinas.

- Estátua de Dom Pedro I para o Museu Paulista da Universidade de São Paulo na cidade de São Paulo.

- Estátua de Pedro Álvares Cabral

- Túmulo de Campos Salles, Cemitério da Consolação, São Paulo.

- Cristo e a mulher adúltera, 1881, MNBA

- Desenho das moedas de cuproníquel, lançadas em 1901. conheça a moeda.

fonte: Wikipedia

----------------------------------------------------------------------------------------------------
Moedas Brasileiras / Moedas do Brasil / Moedas Nacionais / MoedasDoBrasil Copyright © 2011-2018 Netfenix
Reportar erros. Clique aqui! 20131230-0

Um completo e interessante compêndio das moedas brasileiras de todas as épocas.

Encontre em nosso catálogo a moeda que você está procurando:
ano/era
valor facial
material

No século 19, usava-se uma escala impressa em papel para medir moedas...

- A Escala de Mionnet
- A História do Cifrão
- Reformas Monetárias
- Cara ou Coroa?


A história da moeda no Brasil contada pelo Banco do Brasil, a história do dinheiro no Brasil contada pelo Banco Central do Brasil e a história das moedas brasileiras contadas por nós.

- Níveis de conservação
- Conservação das moedas
- Coroa Alta e Coroa Baixa
- Graus de Raridade
- Siglas de Gravadores
- Anversos e Reversos
- Ensaios e Provas
- Eixos e Reversos
- Legendas e Inscrições
- Materiais e Metais
- Moedas de Cobre
- Descobrimento do Brasil
- Colonização do Brasil
- D. Pedro II do Brasil
- e ainda mais...