Coroa Alta e Coroa Baixa

Quando temos em mãos moedas de cobre (e muitas de prata, também) do período Colonial entre 1768 e 1805, podemos observar diferenças no desenho da coroa portuguesa entre as várias moedas de mesmo valor, inclusive, de mesmo ano.

Isso nos leva a comprovar a existência de diferentes cunhos desenvolvidos a partir de uma mesma Casa da Moeda, no caso, a Casa da Moeda de Lisboa. Há referência que cita essas diferenças decorrentes de rivalidade entre abridores ou equipes de abridores de cunho. Kurt Prober até faz referência a quatro gravadores que conviveram no mesmo ofício e que, por motivos de rivalidades entre si, criavam trabalhos diferentes para identificarem e diferenciarem sua arte.

Os abridores de cunho, eram em suas épocas, verdadeiros artistas e cada um tem sua visão e gosto próprio da estética da arte criada por eles, portanto, criando suas próprias versões ao invés de copiar exatamente o desenho de um cunho provavelmente já desenvolvido.

Enio Garletti, da Sociedade Numismática Paranaense, classifica as diferenças das coroas em três divisões: coroas baixas, coroas médias e coroas altas. Adotamos a classificação mais simplista de Cláudio Amato: somente coroas baixas e altas que vem de encontro com a definição similar de Kurt Prober: coroas pequenas e coroas grandes.

Coroa Baixa (ou Pequena)

A parte superior das pérolas dos primeiro e quarto arcos fica quase escondida pelas pérolas dos segundo e terceiro arcos, configurando uma figura mais baixa para a coroa.

Exemplos de coroas baixas:

   

Coroa Alta (ou Grande)

A parte superior das pérolas dos primeiro e quarto arcos fica bastante visível, formando com as pérolas dos segundo e terceiro arcos uma figura semelhante a uma máscara.

Exemplos de coroas altas:

   

 

Fonte: Boletim SNP - Enio Garletti,
Livro das Moedas do Brasil - Amato, Neves e Russo,
Catálogo das Moedas Brasileiras - Kurt Prober. 

----------------------------------------------------------------------------------------------------
Moedas Brasileiras / Moedas do Brasil / Moedas Nacionais / MoedasDoBrasil Copyright © 2011-2017 Netfenix
Reportar erros. Clique aqui! 20121305-2

Um completo e interessante compêndio das moedas brasileiras de todas as épocas.

Encontre em nosso catálogo a moeda que você está procurando:
ano/era
valor facial
material

No século 19, usava-se uma escala impressa em papel para medir moedas...

- A Escala de Mionnet
- A História do Cifrão
- Reformas Monetárias
- Cara ou Coroa?


A história da moeda no Brasil contada pelo Banco do Brasil, a história do dinheiro no Brasil contada pelo Banco Central do Brasil e a história das moedas brasileiras contadas por nós.

- Níveis de conservação
- Conservação das moedas
- Coroa Alta e Coroa Baixa
- Graus de Raridade
- Siglas de Gravadores
- Anversos e Reversos
- Ensaios e Provas
- Eixos e Reversos
- Legendas e Inscrições
- Materiais e Metais
- Moedas de Cobre
- Descobrimento do Brasil
- Colonização do Brasil
- D. Pedro II do Brasil
- e ainda mais...